Arquivo da tag: Eleições em Mongaguá

Vergonha em Mongaguá!

Amigos,

A eleição para Prefeito em Mongaguá ainda não terminou.

Mais um candidato teve seu registro impugnado. Agora, o candidato do DEM – Paulinho.

UMA VERGONHA!

No presente momento, a situação é a seguinte:

Paulinho (DEM)  – candidatura impugnada, votos não válidos –  irá recorrer em Brasília

Artur (PSDB) – candidatura impugnada, votos não válidos – esta recorrendo em Brasília

Pedro (PTB) – único com votos validados

Porém, como há (até o momento) mais votos anulados por decisão da Justiça eleitoral do que votos válidos, caso o TSE confirme as duas impugnações teremos novas em eleições em Mongaguá!

Enquanto isso vivemos no campo das hipóteses…

SE o TSE votar todos os recursos até 31 de dezembro, menos mal. Caso não consiga, teremos a posse dos vereadores e a eleição da Presidência da Câmara. O Presidente da Câmara assumirá interinamente a Prefeitura até as novas eleições (isso se não acontecer novas impugnações).

Ou seja, UMA DESMORALIZAÇÂO!

SE o TSE decidir pela impugnação de um candidato e outro não, o não impugnado será o novo Prefeito…

Quer dizer, CONSTRANGEDOR!

SE o TSE decidir pela manutenção das duas candidaturas, o resultado será aquele definido (?) nas urnas em outubro.

De qualquer modo, as eleições deste ano estão marcadas pelo baixo nível, pelos recursos jurídicos e total ausência de propostas políticas.

Ou seja, os 2 principais atores políticos fizeram a população de bobos em todo período eleitoral.

Talvez o único ponto positivo desta história toda é que PODE SER que a classe política de Mongaguá tome VERGONHA e passe a atuar politicamente com maior seriedade.

Chegamos ao fundo do poço.

LAMENTÁVEL…

VERGONHOSO!

Andanças Políticas (09/10/2012)

Paulinho (DEM) continuará neste prédio mais 4 anos.

Amigos,

Terminou a campanha eleitoral… terminou? ainda não…

Para Prefeito sim, tudo finalizado… Paulinho foi o vencedor com 12.039 votos.

Dr Pedro, oficialmente, até agora ficou em 2º com 5.948. O representante tucano (Artur) não teve seus votos computados, uma vez que sua candidatura estava indeferida sob recurso.  O resultado final e oficial apenas após o julgamento do recurso.

Continue lendo

Andanças Políticas (07/10/2012)

Amigos,

Treze horas de domingo!

Faltam apenas 4 horas para o fechamento das urnas… o resultado deve estar praticamente definido. O Clima na cidade é tranquilo, não choveu e apenas pequenas ocorrências com cabos eleitorais e propaganda irregular foram divulgadas… uma calmaria (até agora) um tanto surpreendente.

Querm vai ganhar as eleições?

Com toda sinceridade, não sei…

Gostaria muito que as eleições tivessem ocorrido sem as mentiras e as desinformações que correram soltas ao longo de todo processo… no entanto, isso não aconteceu… muitos ainda usam de artifícios pouco éticos na busca insana pelo poder…

Gostaria muito que meus candidatos fossem os vitoriosos nas urnas ao final do dia… Seria uma grande lição naqueles que apostam na desinformação, na ingenuidade e até na ignorância dos menos afortunados…

Daqui a pouco saberemos qual foi o resultado disso tudo.

“A sorte esta lançada”!

Andanças Políticas (06/10/2012)

Amigos,

Amanhã termina a disputa eleitoral… Em Mongaguá, uma das piores em muitos anos… mentiras sobre mentiras e golpes baixos… muitos.

Chegamos na véspera sem ao menos saber com precisão quantos candidatos estão realmente aptos a receber o voto… Há apenas um candidato sem contestação na Justiça, um outro concorrendo aguardando o julgamento final de seu recurso (ja carimbado como ficha suja) e um outro que esta respondendo a um pedido de impugnação (que pode tornar-se ficha suja).

O certo é que a mídia impressa da região (jornais de Santos, pois os de Mongaguá não gozam de credibilidade) apresentou a seguinte situação: Dos 3 concorrentes, o TSE divulgará os votos de apenas dois… O resultado final será conhecido apenas após o julgamento de seu recurso, que acontecerá após as eleições.

Assim, neste domingo, os boletins do TSE divulgarão os votos dos candidato Paulo (DEM) e Pedro (PTB). O candidato tucano (Artur) não deverá ter seus votos divulgados.  E a enorme maioria da população desconhece tal fato… muitos votarão sem o devido conhecimento dos fatos. E isso é muito ruim para a Cidade e para a democracia, mas parece que alguns não se importam com isso… mais vale a disputa cega pelo poder.

Neste sábado ainda não há um favorito destacado para vencer as eleições… pesquisas forjadas são publicadas como se fossem verdadeiras, sob o disfarca de “enquete”… e coloca-se números como se fossem coelhos pulando da cartola. Uma prática lamentável e triste.

Na rede social a maioria das postagens limitaram-se a repetição de palavras de ordem (algumas sem o menor sentido),  e as ofensas (cada vez mais pesadas). Propostas foram poucos comentadas ou divulgadas… e  candidato defendendo o programa de seu partido, praticamente inexistiu (salvo algumas postagens de candidatos à esquerda)…

Apesar de uma campanha que muitas vezes beirou a indigência intelectual e política, procurei escolher candidatos que fugissem dessa geléia geral…

Em Mongaguá, voto Dr Pedro (14) e Alex (13.123)

Na região, torço pelo sucesso de alguns amigos…

Em Itanhaém, sem dúvida, torço muito pela reeleição da Vereadora Professora Regina (13.456);

No Guarujá, pela eleição de Reginaldo Pacheco (13.131);

Em Santos, um ótimo candidato a vereador é o Hugo (50.100);

Em Peruíbe, temos a Dalva Gregório (13.513) para vereadora;

E em Cubatão, a reeleição de Márcia Rosa (13) na prefeitura de Cubatão.

Paar encerrar, vale a pena ver o vídeo que segue… para rir e pensar…

Andanças Políticas (04/10/2012)

Amigos,

A campanha eleitoral chega à sua reta final… e num clima de total indefinição!

Particularmente, e os amigos que acompanham o blog sabem disso, desde o início do ano tinha essa convicção: que as eleições de 2012 seriam imprevisíveis!

(confirme aqui: http://prof-guilherme.capesp.org/?p=3161 e aqui: http://prof-guilherme.capesp.org/?p=3341 as análises realizadas)

Pois bem, hoje 04 de outubro, ainda não temos um favorito destacado… tudo pode acontecer.

Mas, vamos tentar colocar na tela o que percebo para os próximos dias…

Em ordem alfabética:

Artur (PSDB) –  Teve sua candidatura contestada nos tribunais, foi enquadrado no ficha limpa e entrou com recurso. Conseguiu um despacho favorável (mas não definitivo) pelo MP, o que na visão de seus correligionários significa uma vitória no TSE. Na realidade ainda falta o parecer defitivo do Ministro, porém sua candidatura segue e tudo indica que realmente não haverá troca de nomes na urna. Porém, o desgaste em sua campanha foi evidente. A campanha tucana escorregou bastante e, de levemente favorita, hoje corre para obter o voto “útil” para derrotar o candidato situacionista (Paulo – DEM). A chapa de vereadores sentiu muito o desgaste e fala-se que o PSDB fará apenas 2 vereadores… e que o filho do candidato a Prefeito estaria com sérias dificuldades em emplacar seu nome entre os eleitos… mas, pesquisa, sondagem ou enquetes sobre vereadores é algo extremamente difícil de se aproximar da realidade, então qualquer prognóstico quanto a nomes, é muita especulação. Mas, há um entendimento geral que o PSDB deverá fazer apenas 2 vereadores eleitos em 7 de outubro. A coligação PDT e PC do B poderá fazer mais 2 vereadores e a coligação encabeçada pelo PV terá grandes dificuldades em eleger um único vereador.

Paulo (DEM) – Quando todos falavam que estava préviamente derrotado, eu e outros companheiros de partido afirmávamos que não…  e estávamos corrretos! Com uma rejeição recorde, na ordem de 70%, Paulinho foi aos poucos revertendo sua impopularidade… Obras como a conclusão da Plataforma de Pesca, a conclusão do Ginásio de Esportes da Vila Atlântica e o asfaltamento de inúmeras vias na periferia de Mongaguá (às custas de um endividamento de 12 milhões de reais), alavancou a candidatura do Prefeito à reeleição… chegando na véspera das eleições em condições de estreito favoritismo. Suas ações na justiça eleitoral com as tentativas de impugnação da candidatura tucana provocou reações díspares na população… os eleitores simpáticos à candidatura tucana estão entre os que preferem ver o diabo na frente e não o  Prefeito… Sua coligação deve eleger 2 ou 3 vereadores… mas, assim  como na chapa do PSDB, o irmão do prefeito também estaria com dificuldades para manter-se na câmara de vereadores… A coligação encabeçada pelo PSB pode fazer ouros 2 vereadores e a coligação em torno do PPS esta com riscos de não atingir o quociente elitoral… caso atinja,fará apenas 1 cadeira.

Pedro (PTB) – O “azarão”…. Algumas vezes sua campanha foi a “anti-campanha”, dentro do estilo introspectivo e calmo do candidato. Criticado por muitos pela não participação no debate da TV Santa Cecília, mostrou que sua estratégia tinha sido coerente… o debate foi um festival dfe “pancadarias” entre os outros candidatos e com uma troca de acusações que frustou e irritou grande parte daqueles que acompanharam pela TV.  Assim, em silêncio, em constantes caminhadas, Dr Pedro (como é conhecido) foi consolidando a “3ª via”. Sua candidatura ganhou apoio entre os sindicalizados do serviço público municipal e estadual.  A evidente falta de recursos financeiros é, por mais paradoxal que seja, sua maior aliada… esta em condições de apresentar todas as mazelas que os grandes finaciadores de campanha podem produzir numa administração… um discurso de grande impacto no eleitorado, principalmente quando conversado na base do “olho no olho”. Uma de suas bandeiras é o fato de ser o único candidato totalmente “ficha limpa”. tem o apoio do PT, que permitiu temperaturas elevadíssimas nas redes sociais… onde alguns diziam que “ainda bem que o PT esta nas eleições, do contrário o debate não teria graça”. Sua coligação deve fazer 3 cadeiras na câmara, podendo chegar a 4.

Andanças Políticas (23/09)

Foto: Mariza Munhoz

Amigos,

Ontem tive a oportunidade de participar de uma bela carreata!

Uma quantidade enorme de veículos (automóveis, vans, traillers, caminhões, carretas, carros, bicicletas e motocicletas) fizeram um alegre cortejo pelas avenidas de Mongaguá.

Partindo da divisa com Itanhaém, chegando a Vila São Paulo, retornando pelo Centro e culminando na Vila Operária.

Um trajeto que levou horas para ser percorrido… Mais de quatro horas de buzinaço, bandeiras agitadas, animação… com a receptividade da população, aplaudindo e sorrindo ao ver a imensidão de veículos…

A carreata tinha um grande diferencial… não houve combustível liberado… quem compareceu, o fez por acreditar na vitória da coligação PTB/PT… eram militantes, e não “milipagos”.

E isso assustou os adversários…

Continue lendo

Andanças Políticas (14/09/2012)

Amigos,

Nesta 6ª feira estive junto com alguns companheiros, apresentando o Plano de Trabalho para a Educação ao candidato a prefeito de Mongaguá, Dr Pedro (PTB).

Numa conversa franca, fraterna e altamente produtiva, ficou demarcada a proposta de atuação do Plano: Participação, Transparência e Profissionalismo. Estes princípios formam o tripé básico apresentado ao Dr Pedro.

O Trabalho apresentado foi fruto de diversas reuniões que congregaram mais de uma dezena de experientes profissionais de ensino que desejam e lutam por uma educação de qualidade, compromissada com os alunos e com as lutas do magistério.

Presentes no evento, além de educadores, militantes do Partido dos Trabalhadores, o candidato a vereador Professor Alex do PT, Pedrão (candidato a vereador pelo PTB), e claro, Dr Pedro, candidato a Prefeito pelo PTB.

Da esquerda para direita: Professor Alex (13.123 -PT); Dr Pedro (14-PTB), Professor André Lopes, Professor Julio Watanabe, Professor Volnei e Professor Guilherme. Em pé: Jair.

Andanças Políticas (04/09/2012)

Amigos, a grande novidade da campanha em Mongaguá, foi a divulgação pelo TSE do deferimento do recurso contra o candidato Artur (PSDB), tornando-o momentaneamente inelegível.

Ainda cabe recurso pelo candidato, num prazo de 3 dias, mas sem dúvida a situação do PSDB em Mongaguá fica muito delicada.

Ainda que consiga reverter no Judiciário a decisão (que na 2ª instância foi pela inegilibilidade), sem dúvida sua imagem ficará arranhada. Parte de seus correligionários (candidatos do PRP – partido coligado)  já divulgam como substituto o vice, Márcio Cabeça.

Tudo isso, numa campanha equilibrada como a atual, deverá servir para embolar ainda mais a disputa pela cadeira no prédio da Avenida Getúlio Vargas.

Por outro lado, o candidato a reeleição, Paulo Wiazowski comemorou o resultado (ainda não definitivo) como se a eleição estivesse decidida… o que considero um engano.  Primeiro, óbviamente, que ainda não esta definido (é provável o indeferimento, mas ainda cabe recurso), segundo que caso ocorra a inegibilidade, o PSDB manterá um concorrente… não tão forte, porém com mais juventude e com um discurso que pode cair no gosto popular, e finalmente que é possível que uma parte considerável dos eleitores do PSDB possam apoiar a candidatura do PTB/PT, Dr Pedro (que conta com a menor rejeição entre os 3 candidatos) em represália ao atual prefeito.

Até o feriado as coisas estarão quentes em  Mongaguá, numa eleição nunca antes vivenciada na cidade.

Para saber mais: http://www.atribuna.com.br/noticias.asp?idnoticia=164137&idDepartamento=5&idCategoria=0

Prefeitura de Mongaguá