Arquivo da tag: imprensa

Em defesa da Carta Capital

Amigos,

A revista do brilhante jornalista Mino Carta, “Carta Capital”, está sob ma mira da Justiça Eleitoral!

A Dra Sandra Cureau quer saber o montante de publicidade do Governo Federal na revista.

Gostaria de saber se farão o mesmo com a revista “Veja” e sua relação com o Governo do Estado de São Paulo…

Querem contranger a única revista que denunciou pra valer Daniel Dantas e que desmascarou a filha do ex-Governador.

Onde estão os ‘barões da mídia” para defender a liberdade de imprensa? E aqueles frequentadores do Instituto Milenium, não vão se pronunciar?

Não podemos nos calar, querem tentar dar a sentença de morte do único semanário que se contrapõe (corajosamente) à pauta: Veja – Jornal Nacional – Folha de São Paulo/Estadão/Globo.

Jogo sujo: Destaque internacional

Amigos,

A campanha dos adversários de Dilma (entenda-se a campanha da frente suprapartidária PSDB/DEM/PPS/Globo- Jornal nacional/Folha/Abril-Veja/Estadão) descambou, como comprova a imprensa internacional.

Depois da ficha falsa; dos e-mails mentirosos; da manipulações das “pesquisas eleitorais” (ainda pode estar acontecendo – prestem atenção em São Paulo) na base da margem de erro; da “quebra de sigilo”; da entrevista do espião de Dilma; agora, a Casa Civil.

Tudo isso leva a imprensa internacional a destacar o jogo sujo das eleições presidenciais brasileiras, como comprova artigo do jornal espanhol “El País”.

http://www.elpais.com/articulo/internacional/juego/sucio/eclipsa/debate/politico/campana/brasilena/elpepuintlat/20100916elpepuint_4/Tes

O incrível papel da Folha de São Paulo

Amigos,

Na edição de ontem (domingo) o jornal Folha de São Paulo publica uma entrevista com um agente da repressão política dos anos 60/70. O objetivo da matéria é esboçar o perfil psicológico de Dilma Roussef, candidata a Presidente da República pelo PT.

O que se pode esperar desse jornal?

Depois de publicar uma ficha policial falsa de Dilma (e ter que desmentir posteriormente, porém bem escondido em seus cadernos internos), a manchete (que virou alvo de piada) do domingo retrasado, agora a Folha publica essa preciosidade.

O que se passa na redação do jornal?

Lembrar sempre que entre 1964 e 1985 o Brasil viveu uma Ditadura Militar, com cassações de mandatos parlamentares e sindicais, fechamento do Congresso Nacional, supressão de eleições livres e diretas, censura nos meios de comunicação, prisões arbitrárias, torturas e mortes nos porões da repressão. E é um representante do pior momento da história do Brasil que a Folha resolve entrevistar…

Porém, nada mais natural, afinal essa mesma Folha afirmou algum tempo atrás que no Brasil não viveu uma Ditadura, mas uma “ditabranda’…

Triste caminho escolhido pela Folha de São Paulo…

Uso de jornais e revistas em salas de aula. Quem lucra com isso?

Amigos,

Quanto  é gasto pelo Governo do Estado de São Paulo com assinaturas de jornais e revistas distribuídas para a Escola Pública?

Aqui na Baixada, temos a assinatura do jornal “A Tribuna”, inclusive com projetos de uso do material em sala de aula, como o “Tribuna na  Escola”… lembrando que “A Tribuna” é um jornal centenário, sendo um dos baluartes do conservadorismo regional.

Quanto se gasta com a Veja, e a “veja em sala de aula”?

Quais gráficas são beneficiadas com as ações do Governo do Estado?

Para responder tais questões inquietantes não deixe de acessar:  http://namarianews.blogspot.com/

Esclarecedor.