Arquivo da tag: São Paulo FC

Pelé e Rogério Ceni, recordistas em tempos distintos

Amigos do futebol,

Hoje Rogério Ceni alcança a incrível marca de 1.116 partidas usando a camisa 01 do São Paulo FC, igualando a marca estabelecida pelo maior de todos: o Rei Pelé!

Atuando em posições díspares Pelé e Ceni são mitos para os simpatizantes de seus clubes, Santos e São Paulo. Ambos são colecionadores de títulos para seus clubes e não tenho dúvidas, já são imortais!

Pelé, o gênio supremo do futebol, alcançou números impressionantes em sua carreira, sendo campeão de tudo que disputou, é recordista de gols e de participações em campo. Atuou em apenas dois clubes em sua carreira, o Santos FC e  New York Cosmos (EUA), sendo o grande divulgador do “soccer” nas terras de “Tio Sam”.

Ceni, é um mito para os tricolores…não alcançou a unanimidade como Pelé, mas, sem dúvida, é um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro.  Sua personalidade forte, sua liderança, muitas vezes é tomada como arrogância ou soberba, porém seu trabalho sob as traves é indiscutível.

Pelé e Ceni possuem em comum algo mais que 1.116 partidas… Pelé e Ceni compartilham um grande número de gols obtidos de “bola parada”, talvez uma das poucas maneiras de comparar diretamente os dois grandes atletas.

Segundo a página SPFC digital, o goleiro tricolor marcou 113 gols em sua carreira, sendo 58 de pênalti, 54 de falta e 1 de bola rolando (após cobrança de falta, em jogada ensaiada).

E quantos gols teria Pelé marcado, pelo Santos FC, de bola parada?

Num levantamento INÉDITO, o blog conseguiu números impressionantes!

No entanto, quero salientar que não são números definitivos, porém estão muito próximos do real… Afinal, são poucos os jogos onde não consegui obter informações detalhadas sobre como foi o transcorrer da partida.

Bem, vamos aos números:

Pelé x Ceni

jogos: 1.116

  • gols de pênalti:

Pelé 109 x 58 Ceni

  • gols de falta:

Pelé 31 x 54 Ceni

  • gols olímpicos:

Pelé 1 x 0 Ceni

  • Total de “bola parada”:

Pelé 141 x 112 Ceni


  • gols de “bola rolando” (aqui não tem nem comparação…):

Pelé 951 x 1 Ceni

Ou seja, parabéns Rogério Ceni, mas Pelé continua sendo maior, continua sendo o Rei!

Futebol: negociações das cotas de TV

Amigos,

Quem já participou de qualquer negociação, sabe que para enfrentar os mais poderosos é necessário unir-se aos mais “fracos”.

Creio que essa deveria ser a máxima que qualquer dirigente de Futebol deveria ter em mente nessa confusão dos direitos de transmissão pela TV. É evidente que a Globo prefere transmitir partidas do Flamengo ou do Corintíans (lembro que em 2006, a Globo passou uma partida do Corinthians para todo o Brasil,  não transmitindo a partida que definia o Campeão Brasileiro, na ocasião o São Paulo FC…).

Portanto, para enfrentar os poderosos da mídia, leia-se Globo, entendo ser uma temeridade juntar-se aos dirigentes rubronegros ou corintianos… eles não são os mais “fracos”… esses dirigentes querem a negociação individual com a Poderosa… logo, TODOS os outros clubes deveriam se unir  e colocar uma nova proposta na mesa…

Quem escreve sobre o assunto com grande maestria é o jornalista Odir Cunha.

Sugiro dois textos para leitura… esclarecedores:

http://blogdoodir.com.br/2011/03/negociacao-individual-reduziu-futebol-espanhol-a-dois-grandes/

http://blogdoodir.com.br/2011/03/corinthians-contrata-ganso-neymar-e-lucas/